Ao tentar decidir quais estilos de artes marciais são melhores para as crianças, é importante saber diferença entre os diferentes estilos disponíveis e de que maneiras habilidades importantes são passadas adiante.

Muito mais do que apenas cursos de autodefesa, o estudo de artes marciais também pode contribuir para moldar e instilar a autodisciplina e fortes valores espirituais e morais que se estendem em muitos aspectos. da vida.

As melhores artes marciais para crianças também ajudam a desenvolver a confiança para se sobressair na busca de seus sonhos na escola e no trabalho.

1. Aikido

Uma arte marcial relativamente recente, mas com crescente popularidade, o Aikido foi desenvolvido no Japão após a Segunda Guerra Mundial como uma transformação de valores tradicionais de guerra em uma arte de paz.

  • O Aikido tem muito a oferecer às crianças, incluindo técnicas eficazes de autodefesa, como projeções e chaves de braço, que podem ser usadas em combate real, assim como uma filosofia baseada em não -violência.
  • Consistindo em técnicas totalmente defensivas, o Aikido é baseado na idéia de que a hostilidade pode ser superada através da harmonia com um atacante, permitindo que a força do agressor seja virada contra ele.
  • Embora seja uma nova arte marcial, o Aikido também está ancorado em antigos ensinamentos zen e incorpora práticas como a meditação para treinar a mente e o corpo. Le 2. Judo
Outra arte marcial japonesa baseada na transformação de velhos estilos de luta, neste caso mais especificamente jiu-jitsu, o judô é um esporte competitivo que agora faz parte dos Jogos Olímpicos.

As crianças que estudam judô receberão excelente treinamento físico, praticando as diferentes técnicas de luta e imobilização com um parceiro.

  • Estas técnicas são bastante semelhantes ao wrestling ocidental, sem o risco de lesões por golpes como em outras artes marciais.
  • O judô também enfatiza o espírito de equipe e o espírito esportivo e dá às crianças a chance de ganhar prêmios e troféus enquanto aprendem sobre técnicas úteis de defesa pessoal. Le 3. ju-ictu brasileiro
  • Uma das formas mais eficazes de combate corpo-a-corpo do mundo, o ju-jitsu brasileiro é uma modificação de uma arte marcial tradicional japonesa que se tornou imensamente popular.
Como as outras formas de artes marciais mencionadas acima, o jiu-jitsu brasileiro não se concentra em socar ou chutar, mas sim em técnicas mais sutis de luta e contenção para controlar um inimigo. enquanto causa dano físico mínimo. No entanto, esta arte marcial é uma prática vigorosa que confere um alto nível de autodisciplina e adequação aos seus praticantes. Le 4. Karate

O Karate é acima de tudo para pular e pular, graças a uma combinação vencedora de relaxamento, exercícios musculares e cardiovasculares.

  • O karatê ajuda a desenvolver um senso único de disciplina a partir do interior que é transposto para todos os aspectos da vida.
  • O karatê é baseado nos princípios de respeito pelos adultos e pelos outros.
As crianças que praticam karatê não aprendem apenas belas técnicas; eles também aprendem a respeitar a autoridade.

Em essência, o karatê fala de paz, não de guerra. Isso é expresso pela beleza e fluidez de seus movimentos.

  • Qualquer estudante de karatê dirá que o desafio não é apenas conquistar sua faixa preta. Esta arte antiga dá às crianças de hoje lições de vida que manterão por muito tempo após deixarem o dojo.